terça-feira, 26 de abril de 2011

Da série "Twittando" no blog! Falando de tudo e mais um pouco...

Abril já está acabando, aconteceram coisas importantes e eu não consigo parar pra registrar aqui cada momento em seu devido post, então vamos recorrer ao "estilo twitter" de ser rsrsrs:

* No início do mês estivemos com a nossa amiga Ester, que mora nos EUA há mais de 10 anos, e esteve passando uns dias aqui no Brasil, com marido e amigos, e foi delicioso reencontrá-la!!! Sinto muita falta dela aqui pertinho, pois ela é especial e fez parte momentos importantes da minha vida... temos uma música que nos une e nos faz lembrar uma da outra onde quer que a gente esteja, né, querida? "Deus fará um caminho, onde nunca existiu, fará um caminho onde não vemos, um caminho me fará... sim, me guiará, sempre me sustentará, com Seu amor, a cada dia, me fará um caminho, me fará um caminho! Por um caminho no ermos, me guiará, rios no deserto eu verei... céus e terra passarão, mas a Sua Palavra não, algo novo Ele então fará, algo novo Ele então fará!!!" Te amo, minha querida! E adorei colocar meu inglês em dia com o Duane, a Cathy, a Roxanne e seu husband rsrsrs tenho algumas fotos aqui então aproveito pra postar logo:





* Este mês também aconteceu algo bem marcante e triste, porém inevitável... como alguns sabem, desde 1999 eu canto num grupo feminino, o Shemah. Somos mais que um grupo que canta, somos amigas que se juntaram pra cantar músicas de Louvor e Adoração a Deus. Passamos por muita coisa juntas nesses últimos 12 anos, incluindo casamentos, nascimentos, crises nos casamentos, estresses pré e pós matrimoniais, crises familiares, encontros especiais de final de ano, aniversários, algumas perdas de familiares queridos, mudanças de endereços, mudanças profissionais, muitas vitórias comemoradas juntas e muitas derroras choradas juntas também. Afinal, foram 12 anos!!! Nosso Shemah se tornou um adolescente!!! Mas, como bem disse Salomão em seu livro de Eclesiastes, "Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu." E nosso tempo como Shemah chegou ao fim. Nossa amizade continua firme, forte e linda, e é claro que ainda vamos cantas juntas em alguns momentos que virão, mas agora de um modo diferente, como algo precioso que se guarda apenas para determinadas ocasiões muito especiais... meninas, AMO cada uma de vocês. Paty, Maru, Bina, Dani e Cíntia, vocês são amigas maravilhosas e tem lugar cativo dentro do meu coração e sabem disso. Minha casa é a casa de vocês, e sempre estarei aqui pra vocês e por vocês. E não sejam tias desnaturadas, hein! O trio também adora vocês! Temos algumas fotos e um vídeo da nossa apresentação de despedida na PIB do Rocha (nossa casa, nosso berço), depois trago pra cá!

* Estou feliz porque esse mês estou trabalhando na festinha de 1 aninho do Samuel (filho dos meus queridos Wania e Gil). O Trocentas Idéias tá bombando!!! rsrs Em breve colocarei fotos lá... tá ficando tudo muito lindo! #modestiapassoulonge

* O feriado de Páscoa foi bastante agitado, levei a duplinha (Gui e Malu) pra ver "Rio" (maravilhoso, recomendadíssimo!!), Xanda passou por aqui na ida e na volta de sua viagem à Buenos Aires (#chiquedemais), foi ótimo!!!

* Falando no trio, Bene tá cada dia mais figura!! É um grude com o pai dele...  e as palavrinhas vão aumentando... "ti-ti-tiaaa", "co-ca-co-laaa", "bo-diaaa", "pa-pai", "bo-bô" (vovô), "bo-bó" (vovó), "Gui", "mãiii", e outras que a gente deduz rsrsrsrs mas o guri apronta muito!!! Ele mexe em TUDO (TUDO mesmo), joga tudo dentro do vaso sanitário (e o pior, se arrepende e mete a mão lá dentro pra pegar de volta ecaaaaaaaaaa hahaha), sobe em tudo, desce de tudo, e por qualquer coisa que o aborrece ele deita no chão e fica lá olhando pra cara da gente (na foto ele tá deitado no meio da igreja, durante o culto! #mematadevergonha)



* Malu tá uma mocinha linda!!! É falante demais, e vira e mexe nos surpreende usando palavras diferentes... esses dias mesmo ela falou que ia andar de bicicleta, e que ia "PRATICAR" hahahaha vê se pode!!!  No dia que faltou luz e o pai foi até o portão pra ver se tinha luz nos arredores, ela já me perguntou logo "mãe, meu pai foi comprar luz?" rsrsrsrs e por aí vai... daqui até os 4 anos é delicioso acompanhar o desenvolvimento no vocabulário das crianças... recebi umas fotos ontem dela dançando na festinha da páscoa da escola, olha que gracinha:





* Já o  Gui tá naquela fase suína, que não quer saber de banho... credo, ainda ontem me lembro do meu irmão nessa fase... me lembro que pro meu irmão lavar a cabeça eu jogava shampoo no cabelo dele de surpresa, assim ele era obrigado a entrar debaixo do chuveiro pra tirar hahahaha tô quase apelando pra isso lá em casa também!!! E o que dá raiva é que depois que o Gui entra debaixo do chuveiro não quer mais sair!! Pra que tanta confusão então, meu Pai??? Só pra estressar mesmo rsrsrs Em compensação, na primeira leva de provas na escola o guri só tirou nota boa!!! Fiquei muito orgulhosa, estudamos juntos todos os dias e ele viu como é bom colher os frutos!! Foram 3 notas 10, e as demais entre 8,5 e 9,5!!! Parabéns, filhão!!! Quero te ver sempre entre os melhores, porque você é inteligente e tem muita capacidade!!! (falando sobre o assunto escola/futuro/carreira, digo sempre lá em casa, tenho 3 filhos, então "quero" um médico, um juiz e um engenheiro hahahaha #democraciatotal). É claro que não vou ditar nada pra eles sobre a carreira que eles DEVEM seguir, mas certamente vou dar um empurrãozinho para aquelas que eles PODERIAM escolher, né? Penso que faz parte do nosso papel como pais, considerando que a idade em que eles tem que definir isso (vestibular - 16/17 anos) é totalmente precoce!

Então, acho que é isso... espero não ter esquecido nenhum acontecimento importante...

Ops! Amanhã é um dia especial... afinal, abril é o MEU mês também!!! Hoje é meu último dia com 33... ai, ai... tempo voraz... mas tá bom também, afinal ADORO comemorar meu aniversário!!! Sempre dou um jeitinho de fazer um bolinho, né? E esse ano não vai ser diferente... ainda tô meio indecisa sobre como/quando/o que fazer, mas até amanhã isso vai estar fechadinho rsrsrsrs mas o que eu curto mesmo é receber aquela megadose de carinho, de beijos, abraços, palavras, mensagens... gente, isso não tem preço pra mim!!! Receber carinho é bom demais!!!! Amoooooooo ; ) (mas é claro que quem quiser dar carinho em forma de presente fique à vontade que mal não fará hahaha)

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Excelente texto para reflexão!

# Hoje tô com vontade de escrever primeiro e postar o texto logo abaixo... sempre que as pessoas me "questionam", ou puxam papo comigo sobre religião, religiosidade e afins, minha resposta sempre vem fundamentada em duas coisas: liberdade e alegria verdadeira. Sirvo a um Deus que liberta, não que escraviza, e sigo ao único Deus que é capaz de me encher com A alegria genuína e fortalecedora. Esse é o meu Deus, o Deus a quem escolhi servir, e Ele tem me ensinado grandes e preciosas lições ao longo dos anos.

Um dia eu já fui um pouco preconceituosa, um dia eu já fui presa a questões doutrinárias que nos emburrecem e nos cegam, um dia eu já tive um pouco daqueles crentes estereotipados que detonam de maneira brusca tudo o que não for idêntico ao que lhes foi empurrado goela abaixo a vida toda, mas houve um momento de deixar tudo isso para trás, e ver com clareza que Deus, Jesus e o Espírito Santo estão muito, mas muito, mas MUITO acima de todas essas coisas. Hoje eu sinto pena quando percebo que certas "algemas" ainda prendem muitos dos meus irmãos na fé. É de dar dó, pois são pessoas que não desfrutam da Vida Abundante que nos é oferecida quando escolhemos servir a Deus e obedecer à Sua Palavra. Não há doutrinas, nem dogmas, nem tradicionalismos, nem quaisquer outros "detalhes" meramente religiosos que me façam mudar de idéia e abrir mão da liberdade que Deus me garantiu quando permitiu que seu Filho se sacrificasse por mim Naquela Cruz.

E é a esse Deus (Libertador, Alegre, Amável, Misericodioso e Fiel, dentre muitas outras coisas) que eu procuro ensinar meus filhos a amar, respeitar, louvar, servir e obedecer. E posso dizer sem medo de ser feliz que esse é o primeiro dos meus maiores projetos de vida. Se todos os pais investissem nisso, jamais teríamos crianças se tranformando em um monstro como aquele rapaz de Realengo. É pra parar e pensar mesmo. E é nessas horas que eu sinto na pele o tamanho da responsabilidade de ter três "projetos de gente" em andamento debaixo do meu teto. Só Jesus na Causa! rs : )

Agora sim, segue o texto maravilhoso do Israel Belo que recebi nessa manhã de segunda:


AUTOCRÍTICA PARA A NOSSA RELIGIÃO

O assassino-suicida de Realengo tinha uma religião. O menino que ele preservou tinha uma religião.

As duas condições nos convidam a fazer uma reflexão sobre nossa própria fé, avaliando se ela é saudável.

Uma religião saudável ama a Deus e todos os seres criados, humanos e animais. Se dizemos que amamos a Deus e desprezamos sua criação, nós não amamos a Deus. Está na Bíblia: "Se alguém disser: 'Amo a Deus', e odiar a seu irmão, é mentiroso; pois aquele que não ama a seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê" (1João 4.20).

Uma religião saudável tem suas convicções, mas não se impõe, não exclui as outras, não exclui os outros por crerem diferente.

Uma religião saudável é alegre, nunca soturna. Tem cara aberta, não fechada. Seus templos têm portas livres para todos, seja para entrar, seja para sair. Está na Bíblia, em que um poeta canta: "Tu me farás ver os caminhos da vida; na tua presença há plenitude de alegria, na tua destra, delícias perpetuamente" (Salmo 16.11).

Uma religião saudável faz autocrítica de suas práticas, a partir de uma leitura constante e sistemática da Bíblia. Uma boa leitura da Bíblia não é um passeio por uma coletânea de textos agradáveis. São ótimos e necessários aqueles versos que nos são amargos, incômodos e difíceis de serem engolidos.

Uma religião saudável conhece os limites da razão, mas não abre mão dela. Está na Bíblia: "Os espíritos dos profetas estão sujeitos aos próprios profetas; porque Deus não é de confusão, e sim de paz" (1Coríntios 14.32-33). Sem razão a religião pode produzir confusão.

Israel Belo de Azevedo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...